Tremor no Haiti equivale a 30 bombas de Hiroshima, diz jornal

O terremoto de 7 graus na escala Richter que atingiu o Haiti na tarde de terça-feira (12) liberou energia equivalente a 30 bombas nucleares como a que destruiu a cidade japonesa de Hiroshima em 1945. “É como se 18 bilhões de quilos de dinamite explodissem ao mesmo tempo”, disse o geofísico João Willy Corrêa Rosa, da Universidade de Brasília, em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.

A energia foi liberada em um tremor que durou pouco mais de um minuto e se concentrou a oito km de profundidade e a 15 quilômetros da capital, Porto Príncipe. O terremoto principal foi seguindo de dezenas de outros. Desde a tarde de terça-feira, foram registrados pelos menos mais 45 abalados de menor intensidade. Os tremores são causados por causa de uma falha geológica conhecida como Enriquillo-Plaintain, que corta o sul do Haiti.

Terremoto
Um terremoto de magnitude 7 na escala Richter atingiu o Haiti nessa terça-feira, às 16h53 no horário local (19h53 em Brasília). Com epicentro a 15 km da capital, Porto Príncipe, segundo o Serviço Geológico Norte-Americano, o terremoto é considerado pelo órgão o mais forte a atingir o país nos últimos 200 anos.

Dezenas de prédios da capital caíram e deixaram moradores sob escombros. Importantes edificações foram atingidas, como prédios das Nações Unidas e do governo do país. No entanto, devido à precariedade dos serviços básicos do país, ainda não há estimativas sobre o número de vítimas fatais nem de feridos. O Haiti é o país mais pobre do continente americano.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s